São livros como 90 Minutos no Céu e 23 Minutos no Inferno baseados na Bíblia?



Pergunta: "São livros como 90 Minutos no Céu e 23 Minutos no Inferno baseados na Bíblia?"

Resposta:
Os seguintes livros best-seller recentes: O céu é Real por Todd Burpo (Heaven is for Real em inglês), 90 Minutos no Céu por Don Piper (90 Minutes in Heaven em inglês) e 23 Minutos no Inferno por Bill Wiese (23 Minutes in Hell em inglês) estão levantando a questão – está Deus dando às pessoas visões do céu e do inferno hoje? É possível que Deus esteja levando as pessoas para o céu e/ou inferno e, em seguida, enviando-as de volta a fim de nos entregar uma mensagem? Embora a popularidade destes novos livros esteja dando muita atenção ao conceito, a alegação não é nova. Livros como A Divina Revelação do Inferno e A Divina Revelação do Céu por Mary Baxter e Vimos o Céu por Roberts Liardon (We Saw Heaven em inglês) já estão disponíveis há anos. A questão-chave é se tais alegações são biblicamente sólidas.

Primeiro, é importante notar que, é claro, Deus PODE dar a uma pessoa uma visão do céu ou do inferno. Deus deu ao apóstolo Paulo tal visão em 2 Coríntios 12:1-6. Isaías teve uma experiência incrível registrada em Isaías, capítulo 6. Sim, é possível que Piper, Wiese, Baxter e outros tenham verdadeiramente ido ao céu/inferno e voltado. Em última instância, só Deus sabe se essas afirmações são verdadeiras ou o resultado de um equívoco, exagero ou, pior, de uma decepção total. A única maneira de discernir é comparar as visões e experiências com a Palavra de Deus.

Se Deus verdadeiramente desse a uma pessoa uma visão do céu ou do inferno, uma coisa que podemos ter certeza é de que estaria em completo acordo com a Sua Palavra. Uma visão do céu dada por Deus de modo algum contradiria Escrituras como Apocalipse capítulos 21-22. Além disso, se Deus realmente desse a várias pessoas visões do céu ou do inferno, elas em nenhum sentido se contradiriam. Sim, elas poderiam ser diferentes e se concentrar em detalhes diferentes, mas não iriam se contradizer.

Com qualquer livro escrito por qualquer autor, temos a instrução: "julgai todas as coisas, retende o que é bom; abstende-vos de toda forma de mal" (1 Tessalonicenses 5:21-22). Se você ler esses livros, leia com uma mente perspicaz. Sempre compare o que o autor diz com as Escrituras. Mais importante ainda, nunca permita que a experiência de outra pessoa e sua interpretação dessa experiência moldem a sua compreensão das Escrituras. A Escritura deve ser usada para interpretar a experiência, e não o contrário. Seja abençoado e encorajado pelo que aconteceu com outras pessoas, mas não permita que as suas experiências sejam o fundamento da sua fé ou caminhada com Deus.

Em geral, achamos que os livros 90 Minutos no Céu por Don Piper e O Céu é Real por Todd Burpo são os mais bíblicos e convincentes de todos os livros disponíveis. Piper e Burpo parecem abordar o assunto com humildade e honestidade. Quer suas visões tenham sido ou não realmente de Deus, elas parecem ser milagrosas. Novamente, porém, leia com uma boa quantidade de discernimento e com um compromisso de que a Bíblia é a fonte absoluta da verdade.

Quando o apóstolo Paulo foi "arrebatado ao paraíso", ele "ouviu palavras inefáveis, as quais não é lícito ao homem referir" (2 Coríntios 12:4). Da mesma forma, o apóstolo João (Apocalipse 10:3-4) e o profeta Daniel (Daniel 8:26; 9:24; 12:4) foram instruídos a omitir certos aspectos das visões que receberam. Seria muito estranho que Deus quisesse que Paulo, Daniel e João omitissem aspectos revelados a eles, só para, mais de 2000 anos mais tarde, dar ainda maiores visões, juntamente com a permissão para a divulgação completa, para as pessoas de hoje. Afirmamos seriamente que esses livros alegando visões e viagens para o céu e o inferno devem ser vistos com ceticismo e, mais importante, biblicamente.


Voltar à página principal em português

São livros como 90 Minutos no Céu e 23 Minutos no Inferno baseados na Bíblia?