www.GotQuestions.org/Portugues



Pergunta: "Deve o vinho ou suco de uva ser usado para a santa ceia?"

Resposta:
Se é aceitável servir (e/ou receber) vinho durante a santa ceia é um debate válido entre os cristãos. Ao examinarmos o assunto, que não percamos de vista o maior problema – o que o líquido no copo representa -- o sangue derramado de nosso Senhor e Salvador que institui a Nova Aliança.

Primeiro, vamos dar uma breve olhada no assunto do vinho na Escritura. Que o vinho era consumido nos tempos do Antigo Testamento é muito claro. Primeiro vemos o seu uso (ou abuso) quando Noé ficou bêbado e deitou-se sem roupas na sua tenda (Gênesis 9:21). Mais tarde, vemos o rei Melquisedeque servindo vinho para Abrão (Gênesis 14:17-18). Em Êxodo 29:40, Deus ordena o uso do vinho como parte do sistema sacrificial. Quando Davi foi proclamado rei, os seus homens festejaram por três dias com comida e vinho (1 Crônicas 38-40). Na verdade, o Salmo 104:15 nos diz que Deus fez o vinho que "alegra o coração do homem". Também temos a promessa de que o Senhor um dia preparará uma grande festa para o Seu povo com alimentos ricos que incluem um "vinho purificado" (Isaías 25:6).

No Novo Testamento, o primeiro milagre de Jesus foi transformar água em vinho nas bodas de Caná (João 2:1-11). E o nosso Senhor não só bebia vinho (Lucas 7:34), mas disse que iria bebê-lo no céu conosco (Mateus 26:29). Além disso, o apóstolo Paulo instruiu Timóteo a usar vinho em vez de "apenas água" para melhorar de um problema no estômago (1 Timóteo 5:23).

(Apesar das frequentes referências ao vinho na Bíblia, é claro que a embriaguez nunca é aceitável. Efésios 5:18 afirma de forma muito sucinta: "E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda, mas enchei-vos do Espírito".)

Assim, os proponentes de beber vinho na santa ceia têm a Escritura disponível para apoiar a sua posição, e os exemplos acima (com exceção de Noé) refletem como o vinho, quando usado corretamente e com moderação, pode realmente ser uma coisa boa.

Aqueles que acham que o vinho não deve ser usado também fazem alguns argumentos convincentes e também têm referências bíblicas a citar. Veja, por exemplo, as advertências contra o vinho em Provérbios 4:17; 20:1 e 23:29-32. Em Levítico 10:9, o Senhor diz a Arão que ele e seus filhos não deviam beber vinho quando entrassem na tenda da congregação, sob pena de morte.

Vinho ou suco de uva na santa ceia? Não há nenhuma regra bíblica que seja concreta e afirme uma bebida como sendo preferível ou mais aceitável. Na verdade, as passagens que se referem à Santa Ceia nunca sequer mencionam "vinho" ou "suco de uva"; elas simplesmente se referem “ao cálice”. Entretanto, há algumas questões práticas a se considerar. Se a presença de álcool vai ser uma distração de qualquer forma, então isso é uma preocupação válida. Com certeza nenhuma igreja quer que alguém se afaste da santa ceia simplesmente por ter uma forte convicção contra o consumo de álcool. A instrução de Cristo era para que a igreja fizeste "isto, todas as vezes que o beberdes, em memória de mim" (1 Coríntios 11:25). Seria uma pena que a presença de vinho fizesse alguém perder o foco e, assim, ignorar a ordem de Cristo.

Em nenhum lugar na Palavra de Deus vemos uma exigência em relação ao nível de fermentação do conteúdo do cálice. No entanto, se alguém tiver uma opinião forte sobre como melhor honrar o Salvador, não tem problema em seguir essa convicção. Entretanto, devemos ter cuidado para não nos esquecermos do que o cálice representa e não julgarmos um irmão ou irmã em Cristo em questões de opinião pessoal.

© Copyright 2002-2014 Got Questions Ministries.