Quais são razões adequadas para faltar à igreja?



 

Pergunta: "Quais são razões adequadas para faltar à igreja?"

Resposta:
Muitas pessoas têm uma compreensão inadequada ou não-bíblica do seu comparecimento à igreja. O seu sentimento sobre esse assunto se aproxima do legalismo - elas devem estar presente cada vez que há qualquer tipo de culto ou reunião, ou arriscam a ira de Deus. Outras experimentam sentimentos de culpa sempre que, por qualquer motivo, perdem um culto domingo de manhã. Infelizmente, algumas igrejas incentivam essa culpa ao colocarem uma pressão excessiva sobre as pessoas. Enquanto a indiferença para com a igreja ou voluntariamente evitá-la possa indicar um problema na saúde espiritual, é importante entender que a qualidade da relação de uma pessoa com Deus não é determinada por quantas vezes esteja na igreja. O amor de Deus pelos Seus filhos não é baseado no número de vezes que frequentam cultos formais.

Não há dúvida de que os cristãos, os seguidores de Jesus Cristo, devem ir à igreja. Deve ser o desejo de todos os cristãos adorar corporativamente (Efésios 5:19-20), ter comunhão com outros cristãos e incentivá-los na fé (1 Tessalonicenses 5:11), e aprender mais sobre a Palavra de Deus (2 Timóteo 3:16-17). Ouvir a Palavra é o que produz a fé (Romanos 10:17). Além disso, reunir-se com outros crentes é um comando (Hebreus 10:24-25); nós realmente precisamos uns dos outros. Assim como Deus ama ao que dá com alegria (2 Coríntios 9:7), Ele se alegra com um frequentador genuinamente alegre.

Frequentar a igreja deve ser uma das prioridades na vida cristã. Comprometer-se a sua igreja local é importante. Sendo assim, quais são então algumas razões adequadas para faltar à igreja? É impossível dar uma lista que funcione para todos. É claro que é aceitável faltar à igreja quando se está doente. Entretanto, em outras áreas, a questão se resume à atitude e motivação. Se a motivação de faltar à igreja for para melhor servir ao Senhor em outros lugares, para atender às necessidades genuínas, ou para cumprir uma responsabilidade ordenada por Deus, então não há nada de errado em faltar a um culto na igreja. Não se deve esperar que um policial de plantão, por exemplo, ignore uma chamada a fim de estar presente na igreja. Entretanto, se a motivação para a falta for apenas para cumprir a concupiscência da carne, para ir atrás de fins egoístas, ou simplesmente para evitar a comunhão cristã, então há um problema.

Cada situação deve ser avaliada de forma pessoal e honesta. É aceitável faltar à igreja para participar de um evento esportivo? Sim, dependendo da motivação e atitude. O que dizer sobre faltar à igreja enquanto viajando de férias? Mais uma vez, depende da motivação e atitude. Queremos evitar o legalismo; não somos salvos por frequentar a igreja, mas pela graça. Ao mesmo tempo, um cristão deve desejar ir à igreja para aprender sobre a grandeza do dom da salvação de Deus, para aprender como se tornar mais semelhante a Cristo, e para ter a oportunidade de ministrar aos outros.

Ao examinar os nossos motivos para faltar à igreja, também devemos examinar os nossos motivos para frequentá-la. Será que vamos à igreja apenas para nos fazer ter uma aparência mais espiritual? Para interagir com possíveis contatos de negócios? Ou será que frequentamos por causa da noção legalista que diz que quanto mais passamos pelas portas da igreja, mais Deus está satisfeito conosco? É verdade que há muitas pessoas que frequentam a igreja regularmente, mas ainda não têm um bom relacionamento com o Senhor. Se a sua presença na igreja envolve nada mais do que sentar entediado e desatento durante o louvor e sermão e, em seguida, ir embora logo depois que o culto termina, então já é como se você estivesse faltado. Afinal, você não ganhou nem contribuiu nada com a sua ida.

Devemos querer ir à igreja para que possamos ter comunhão com outras pessoas que também têm experimentado da maravilhosa graça de Jesus Cristo. Sempre que possível, devemos evitar faltar à igreja porque reconhecemos a importância de ouvir a Palavra de Deus, aplicando-a em nossas vidas e compartilhando-a com os outros. Devemos ir à igreja, não para recolher pontos espirituais extras, mas porque amamos a Deus, amamos ao seu povo, e amamos a Sua Palavra. Todo cristão deve tentar ir à igreja regularmente. Ao mesmo tempo, faltar à igreja por uma boa razão não é, em nenhum sentido, um pecado ou algo que deva causar sentimentos de culpa.

Deus conhece nossos corações. Deus não se impressiona com uma pessoa simplesmente porque frequenta a todos os cultos. O desejo de Deus é nos edificar em Cristo, e o Seu método nesta era envolve a igreja local.


Voltar à página principal em português

Quais são razões adequadas para faltar à igreja?